BC MG, talento macaense no Pop Funk, lança videoclipe e prepara novo CD

Por Jornal Expresso 28/09/2017 - 13:04 hs

Com duas novas músicas lançadas, uma inclusive já com videoclipe lançado nas redes sociais, o cantor e compositor macaense BG MC está em fase final de preparação de seu novo CD, com previsão de chegar às lojas em dezembro. As músicas “Como um Raio” e “Eu Me Apaixono” serão o carro chefe deste novo trabalho, que terá outras seis músicas inéditas, todas de autorais. Com letras dançantes e refrões “chicletes” (aqueles que “colam” na cabeça e são difíceis de esquecer”, BG já é um dos artistas mais tocados nas rádios da região, apesar de ainda não ter ganhado projeção nacional.

“Meu objetivo é alcançar os grandes mercados, que são o Rio de São Paulo”, conta o cantor, que recentemente teve um de seus hits escolhidos para fazer parte de uma coletânea pelo DJ Malboro.  Na estrada desde 2008 com sua carreira solo, BG sempre fugiu do estereotipo dos “funkeiros tradicionais” com letras erotizadas e batidas repetitivas. Para ele, o Funk evoluiu para uma pegada mais pop, dialogando com vários outros ritmos, como sertanejo universitário, pagode e etc.

“Sempre tive uma pegada mais romântica, tipo Charme”, conta, em referência ao sub-estilo do funk onde são exploradas melodias mais complexas e músicas com temática mais romântica e dançante. “O funk hoje é mais pop do que nunca. Pode se ver que a maior expoente do rito é Anita, que já tem sucesso até gravado em inglês. Mais pop do que ela é impossível”, exemplifica. Dificuldades — Fazer cultura numa cidade do interior, como Macaé, não é tarefa das mais fáceis. Além da pouca visibilidade aos trabalhos, a falta de apoio é um dos desafios que precisam ser constantemente enfrentados por artistas como BG. “Conto muito com a ajuda de amigos, para gravar meus clipes e fazer a produção e divulgação dos meus trabalhos. Sem eles seria praticamente impossível. Infelizmente existe uma barreira muito grande a ser vencida por nós, artistas do interior, principalmente porque para produzir um trabalho na capital é muito caro”,conta.

BG conta que a crise financeira impactou muito o seu trabalho e de outros artistas locais. Apesar de suas músicas serem bastante executadas nas rádios da região, a frequência de shows caiu bastante. “Viver de música, ainda mais no interior, é uma tarefa difícil. Não há, por aqui, muitas casas de shows e boates para a gente se apresentar e, para piorar, o poder público também não tem contratado mais artistas locais como antigamente. Tudo isso dificulta bastante. Mas, com fé, perseverança e muito trabalho duro, estamos tocando nossa carreira”, afirma.   Agradecimentos — em sua entrevista, BG fez questão de agradecer e citar o apoio de alguns parceiros que tem sido fundamentais, como o radialista Robson Oliveira, da 95 FM e também aos locutores da FM 101, que têm dado bastante divulgação às suas músicas. “Gostaria também de agradecer ao amigo Felipe Alfradique, à Barbearia Novo Estilo, chaveiro Multi Chaves, Luan Nascimento, além dos familiares, amigos, fãs e seguidores, sem os quais não teria chegado até aqui”, finaliza. Contatos — Para acompanhar os trabalhos do BG MC, basta acesssar suas contas nas redes sociais. No facebook, o link de sua página é www.facebook.com/beto.gomesmc. Além disso, você pode encontrar o artista no Instagram, como @bgmc e no twitter: @bjoficialrj. Contatos para shows podem ser feitos pelo telefone (22) 99741-3849 ou (22) 99934-4056