Lagomar: governo realiza segunda fase de demolição

Por Jornal Expresso 22/01/2018 - 15:06 hs

Prossegue nesta terça-feira (23) o trabalho de demolição das residências que ficam na zona de amortecimento do Parque Nacional de Restinga de Jurubatiba, no bairro Lagomar. A ação teve início na semana passada e contou com uma força-tarefa composta por diversos órgãos.

Na tarde desta segunda-feira (22) os representantes dos órgãos responsáveis pela demolição se reuniram para acerto dos últimos detalhes da ação. Ficou definido que serão duas frentes de trabalho que, inicialmente, irão verificar a área já demolida e seguir com as máquinas derrubando os imóveis.

Ao todos serão demolidas 96 residências, sendo que na primeira etapa foram 46, e a meta é finalizar o trabalho nesta terça. As 96 famílias dessas residências já foram removidas, em dezembro, para o Conjunto Habitacional Prefeito Carlos Emir (Bosque Azul). Quando mudaram para o Bosque Azul, as famílias assinaram um termo autorizando a prefeitura a demolir o imóvel construído irregularmente. 

A intervenção é uma determinação do Ministério Público e também uma medida de segurança pública. A operação contará com a participação das secretarias de Ordem Pública, Saúde, Infraestrutura, Desenvolvimento Social, Direitos Humanos e Acessibilidade, as Adjuntas de Habitação, Segurança e Defesa Civil e as polícias Militar, Civil e Federal.

Primeira etapa - A Secretaria de Habitação mantém, desde a semana passada, uma equipe na Escola Municipal Paulo Freire para resolver todos os casos, visando a legalidade e a segurança das famílias envolvidas.