Furtos de tampas de bueiros e ralos causam riscos e prejuízos

Furtos de tampas de bueiros e ralos causam riscos e prejuízos

Por Jornal Expresso 21/02/2018 - 11:13 hs

Vem acontecendo de forma rotineira a reposição de tampas de bueiros e ralos, alvo permanente de furtos. De acordo com dados da Secretaria de Infraestrutura, chegam a ser furtadas de oito a 10 tampas por semana, com ações de reposição diária. As tampas de ralos são as mais furtadas. Além dos riscos de acidentes, o vandalismo causa prejuízos aos cofres públicos do município. As tampas, geralmente de metal, são furtadas visando venda a ferros velhos.

Diariamente, equipes da Secretaria de Infraestrutura percorrem as ruas da cidade para verificar que locais precisam ser atendidos, tendo o cuidado de efetuar a reposição do material furtado para evitar acidentes nas vias públicas a motos, bicicletas, veículos e, sobretudo, a pedestres.

No último fim de semana a secretaria repôs algumas tampas em vários pontos da cidade, como no cruzamento das vias Velho Campos e Tenente Rui Lopes Ribeiro, que teve o material furtado novamente na noite de terça (21) para quarta-feira (22). A reposição da peça aconteceu na manhã desta quarta-feira.

Segundo a Infraestrutura, além desses furtos, que já são rotina, o município vivencia outros atos de vandalismo, com destruição e danos de vários equipamentos públicos, como praças, quadras esportivas, alambrados, abrigos de ônibus, pichações, que oneram os cofres públicos, bem como atrasam cronogramas para outras intervenções em áreas públicas.